12 de nov de 2007

Os 10 Melhores Personagens Digitais do Cinema



Para o Infinito e Além!

- Buzz Lightyear, Toy Story



Em Julho a Entertainment Weekly compilou uma lista com os seus 10 personagens computadorizados favoritos, dentre filmes animados e live-actions. A lista ficou do seguinte modo:


1. King Kong de KING KONG (2005): Nunca antes um personagem digital pareceu tão real, expressando tanto sem dizer uma palavra.


2. Davy Jones de PIRATAS DO CARIBE - O BAÚ DA MORTE e NO FIM DO MUNDO: Uma grande atuação do ator britânico Bill Nighy unido à técnica de captura de movimentos criou um dos mais memoráveis vilões da série bucaneira.


3. Gollum de O SENHOR DOS ANÉIS - AS DUAS TORRES e O RETORNO DO REI: Personagem que introduziu a técnica de captura de movimentos como uma das grandes novas facetas da tecnologia digital.


4. Bumblebee de TRANSFORMERS: O personagem mais recente da lista (ao menos na forma cinematográfica), Bublebee é feito de engrenagens mais possui um coração de ouro.


5. Yoda de ATAQUE DOS CLONES e A VINGANÇA DOS SITH: Enquanto muitos irão sempre preferir a versão de espuma do personagem na trilogia original de GUERRA NAS ESTRELAS, esta versão digital de Yoda trouxe inumeras novas habilidades ao personagem.


6. T-1000 de O EXTERMINADOR DO FUTURO 2: Um marco na criação de efeitos visuais no cinema, o personagem e sua capacidade de mudar de formas foi um dos grandes desafios da ILM.


7. Woody e Buzz Lightyear de TOY STORY: Um dos filmes mais inovadores do cinema trouxe também dois dos personagens mais inesquecíveis da telona que marcaram uma geração e são tão populares hoje como em 1995.


8. Homem Areia de HOMEM-ARANHA 3: Um super-vilão complexo, que necessitou de mais de 12 tipos diferentes de areia para ser criado.


9. T-Rex de PARQUE DOS DINOSSAUROS: O modelo a ser seguido por todos os outros dinossauros no cinema, sendo convincente e assustador.


10. Gasparzinho o Fantasminha Camarada de CASPER: O filme foi uma grande inovação por ser o primeiro a apresentar personagens digitais integrados em um mundo live-action, abrindo o caminho para futuros personagens mais cartunescos como Jar Jar Binks e Scooby Doo.

Fonte: Cinema e Afins

9 de nov de 2007

Aurora

Em uma guerra, o lado vencedor é o lado que termina vivo.
Uma bela batalha é aquela vencida pela estratégia e inteligência.

- Algum clérigo de Vandria Gilmadrith



Texto escrito faz um tempinho, sobre uma personagem que criei. Esse texto é pós-campanha, já que nosso DM na época (vulgo Gustavo) parou de mestrar... então escrevi esse conto pra ele entender como a jovem elfa se sentia. Gostei bastante dessa personagem, pena não ter jogado muito com ela...

Aurora Aelvan (Ael = Knight; -van = Forest) é uma wood elf (elfa silvestre), clériga de Vandria Gilmadrith, deusa elfica da guerra, guarda, justiça, luto, vigilancia e decisões. A guerra nunca é desejada, mas algumas vezes é inevitável. Quando o conflito armado é inevitável, é pra Vandria que os elfos dedicam suas preces, desejando uma estratégia prudente e uma vitória com o mínimo de vidas perdidas.

Apesar da força física e agilidade herdada de sua raça, Aurora tem uma constituição física frágil, tendo traços delicados, pele clara (rosada) e cabelo castanho claro, longo, até a cintura, geralmente preso em uma trança (pra não atrapalhar no manejo do arco). Não é muito alta, mas a beleza da juventude a acompanha: olhos verdes, levemente puxados, lábios bem delineados, as maçãs do rosto rosadas e um belo sorriso que ela dificilmente mostra (não tem tido muitos motivos para sorrir ultimamente). Um tanto atraente, possui a inocência da pouca idade (e de uma sacerdotisa que passou sua vida dentro de um templo) misturada à experiência traumática de ver sua família e amigos morrendo diante de seus olhos e ser treinada no templo de uma deusa da guerra (apesar de favorecer a defesa, ainda é uma deusa da guerra).

A figura abaixo (que infelizmente está inacabada) é a imagem quase perfeita que eu tinha da Aurora quando criei a personagem. Claro que essa imagem não lembra muito a jovem perdida e confusa do texto, mas essa é Aurora antes e depois disso. Durante esse conto, ela voltou a ser apenas a criança que era (Aurora ainda não é uma elfa adulta... é uma adolescente... equivaleria a uns 16-17 anos humanos). Infelizmente não tenho o link de onde tirei a imagem (faz tempo) mas no nome da imagem, tem o nome da artista, Mistresselysia.




Aurora

Aurora estava presa há dois dias. Sentia-se suja, derrotada, humilhada... Como pode uma sacerdotisa de Vandria Gilmadrith, a deusa da guerra dos elfos, ter sido derrotada em combate por um marceneiro!? Ela atirou com seu arco e parece que sua pontaria não era mais a mesma de décadas atrás, então quando ele chegou perto para o combate corpo a corpo, ela sacou sua espada longa para enfrentá-lo e ele, um pobre marceneiro, a derrotou usando uma adaga, sem sofrer um único arranhão! (claro que até aquele instante, ela não sabia que o marceneiro na verdade era membro de uma ordem e não era nem de longe tão “inofensivo” como ela pensara).

Em seus dias de prisão, percebeu que a cidade não era verdadeira. Os presos eram atores fingindo serem prisioneiros, os guardas eram atores fingindo serem guardas e até o marceneiro talvez não fosse um marceneiro, mas ela estava convencida que ele e todos os outros da marcenaria tinham estuprado aquela jovem. Aurora e seus companheiros estavam justamente investigando isso, a morte de uma jovem que se enforcou na janela de seu próprio quarto. Dias depois, o tio e o primo da jovem (ambos donos da marcenaria) morreram também e com suas investigações, Aurora descobriu que tratava-se do fantasma da jovem, matando aqueles que violaram seu corpo, destruíram sua sanidade e a levaram a cometer suicídio.

De todas as atrocidades que o homem havia “criado”, o estupro era a que Aurora mais abominava. Matar, roubar, enganar, tortura... todas eram horríveis, mas o estupro roubava de uma mulher o que ela tinha de mais preciso: sua pureza. E Aurora ainda conservava a sua. Por isso, quando acordou no chão daquela cela, com seu vestido gastado, um corte na face e diversas partes do corpo doloridas, o desespero tomou-lhe conta, imaginando que aquele marceneiro a tivesse violado, mas quando um pouco de razão voltou a sua mente, percebeu que não havia dor nem sangue em suas “partes” e então ao examinar seu corpo, percebeu que tinha apenas alguns cortes e escoriações no abdômen e nas costas, onde havia dor, e que sua pureza continuava preservada. E isso era ainda mais estranho, afinal, se o homem era um porco imundo e tivesse realmente estuprado a jovem, porque não havia feito o mesmo com ela? “Não importa!”, ela pensou, “Ele vai pagar pelo que fez a ela.”.

E depois sua mente fraquejou. E seu corpo também. E por dois dias, Aurora foi apenas lágrimas e súplicas, achava que Vandria a tinha abandonado e por isso foi tão humilhantemente derrotada pelo marceneiro. E sua tristeza para com o abandono de sua deusa foi tamanho que quando Raun, o elfo mago do grupo – com quem Aurora havia se dado imensamente bem por serem (quase) da mesma raça e terem o mesmo modo de pensar, além dos ensinamentos de Vandria, que diziam que ela deveria lutar pelo bem dos elfos – descobriu que ela estava presa e foi visitá-la, junto com seus companheiros, ela gritou em desespero e arremessou o medalhão que trazia o símbolo de Vandria e a identificava como uma sacerdotisa no chão, odiando ser uma elfa, odiando ser mulher, odiando ser fraca, odiando Vandria, odiando aquela cidade, odiando tudo, inclusive a si mesma pela incompetência em trazer justiça à pobre jovem... Raun apenas pegou pacientemente o medalhão e o guardou, despedindo-se de Aurora e prometendo que a tiraria dali logo. Mas cada minuto parecia uma eternidade pra ela e depois do primeiro dia naquele lugar, ela já duvidava que o “logo” de Raun demorasse menos que a eternidade...

E só ao fim do segundo dia Aurora conseguiu raciocinar um pouco. Os elfos da raça dela eram mais bestiais, mais selvagens, mais bárbaros e era justamente por isso que sua família que protegia as fronteiras do reino, com os “guardiões”, mas Aurora foi agraciada com cultura e inteligência dada pelas clérigas de Vandria no monastério onde fora criada após a invasão do reino e a morte de seus pais. E foi agarrada a esse preceito, de que fora agraciada com cultura e a capacidade de raciocinar, que Aurora conseguiu trazer sua mente de volta e pensar. Ela era muito jovem, pouco mais que uma adolescente, e tudo que tinha feito nos últimos dois dias foi chorar como uma criança, sentada em um canto, abraçando os próprios joelhos, sem comer ou dormir. Tinha que provar que estava crescida e então secou suas lágrimas com as costas das mãos e resolveu raciocinar um pouco. Chegou a conclusão que a cidade corrupta e falsa deveria pagar. E começaria por aquele marceneiro, o mandaria para o outro mundo, para que os deuses tomassem conta dele e o julgassem por seus crimes... não... os deuses não estavam sendo muito justos ultimamente... ela mesma o faria sofrer... como ele tinha feito a ela, e aquela jovem antes dela, e então Aurora sentiu que seu coração não era mais pureza e bondade como antes, mas apenas ódio e desejo de vingança... e por todo um dia ela planejou como capturaria o homem, o torturaria, o faria pagar e sofrer. E depois, como mataria todos na marcenaria. E destruiria a cidade, libertando a alma da pobre jovem. E talvez depois disso, Vandria voltasse a se orgulhar dela, por ter feito justiça, e voltasse a agraciá-la com sua benção. Mal sabia ela que o que estava planejando não era justiça, mas sim vingança, e vingança não era, nem nunca foi, um sentimento bom. E ela, cega por sua tristeza e amargura, jamais imaginou como poderia magoar ainda mais a justa Vandria. Tudo que se passava por sua cabeça eram seus planos de “justiça” que se iniciariam assim que saísse daquela cela. Sua única dúvida em seu plano era: como sair dali?

A resposta viria no dia seguinte, na face de um belo jovem...

25 de out de 2007

Saudades


Vai com os anjos, vai em paz
Era assim todo dia de tarde, a descoberta da amizade
Até a próxima vez, é tão estranho
Os bons morrem antes
Me lembro de você e de tanta gente
Que se foi cedo demais

- Love In The Afternoon, Renato Russo



Realmente… é tão estranho como os bons morrem cedo demais…
Depois de um post alegre, de comemoração de 6 meses de um maravilhoso namoro... Justamente quando eu tinha falado sobre sonhos e bons momentos, venho, no dia seguinte, postar uma coisa triste: Ontem, um grande amigo meu... não, um irmão meu faleceu. E mais um sonho terminou, deixando lembranças. Maravilhosas lembranças!!! ^^



Um sonho grande, na verdade. =D
Nos conhecemos ainda na sexta série, e estudamos juntos em todos os anos, desde então, até o terceiro, fim do segundo grau. Nos separamos apenas na hora de ir pra faculdade. E durante esse tempo, estávamos sempre juntos, conversando, nos divertindo, completando as piadas um do outro. Nossa, são 11 anos. Metade de nossas vidas... Quantas lembranças boas! ^^
Um sonho que virou realidade.

Max, você vai deixar saudades... o exemplo de pessoa que era, enfrentando as dificuldades da vida. A frase escolhida, que aparece na imagem, é perfeita: "Sorrir é fácil enquanto a vida lhe sorri. Mas poucos sabem sorrir enquanto a vida está a lhe consumir."
Mesmo com sua doença, suas dificuldades, seus problemas, ele nunca deixou de sorrir, de brincar, de se divertir, de VIVER! Realmente um exemplo de pessoa.

Agora ele pode finalmente descançar. Seu sofrimento teve fim, sua angustia se acabou. Pra nós, mortais que ficamos, sobra a dor da perda, a saudade dos bons momentos, mas fica também a bela imagem do sorriso maravilhoso, da alegria contagiante, da empolgação, da amizade, do companheirismo.

Te amo, meu amigo, meu irmão. Obrigado pelos maravilhosos momentos juntos que ficarão pra sempre na memória.

E como tenho dito, vá em paz. ^^

24 de out de 2007

Six months later...


Dream on, dream on, dream on,
Dream yourself a dream come true.
Dream on, dream on, dream on,
And dream until your dream comes true.

- Dream on, Aerosmith


"Sonhos... são pequenos momentos, alguns tão pequenos que duram apenas alguns segundos. E quando acabam a sensação boa vai embora, deixando apenas a lembrança pra trás, uma lembrança de ter sonhado e sentido, mesmo que por alguns segundos, aquela sensação boa. E fica o vazio... e a lembrança.

Mas mesmo assim, gostamos de sonhar. Um homem sem sonho é como algo oco, sem alma. São os sonhos que movem o homem, os sonhos que os fazem seguir em frente, viver! E como pode uma coisa ser tão boa e tão ruim ao mesmo tempo? Sei lá... não sou eu que faço as regras... eu só jogo com elas... Gosto de sonhar, mesmo sabendo que depois ficará aquele vazio... ao menos terei a lembrança.

Porque seria diferente na vida? Porque deixar de viver um belo momento apenas porque ele pode acabar num futuro? É como deixar de comer um chocolate porque ele vai acabar!!!

Sonhe, viva, ame!!! Aproveite!!! A vida é curta... você pode não ter outras boas oportunidades.... Aproveitemos!”

Foi mais ou menos assim que começou... na verdade, muitos amigos meus já ouviram essa história, essa analogia. Sim, parece boba, mas eu acredito nela. Passei a acreditar nela depois do Kenjutsu: "Viva intensamente e aproveite cada momento como se fosse o último", é o lema do samurai. E acabou sendo adotado por mim também. Por que sempre tive medo... medo de me apegar, medo de perder. Mas depois que passei a seguir esse lema, passei a "sonhar" mais. A aproveitar mais esses pequenos momentos que passam. E alguns foram muito bons (RPG?? =D)

Mas um deles, esse em especial, começou como um sonho e vem se tornando real – deliciosamente real. Um desses "pequenos momentos rápidos" tornou-se parte da minha vida de uma maneira tão especial e tão importante. Lembro-me que no começo ela tinha medo de que fosse apenas uma "confusão de sentimentos", que com o tempo eu perceberia que ela é apenas "uma estranha com quem você passou algumas noites boas..." Bem, agora, 6 meses depois, posso dizer com certeza o que percebi: percebi que finalmente ter coragem pra correr atrás do que eu queria me trouxe algo bom. Que finalmente fazer a escolha (e não ficar na sombra da dúvida) me trouxe um bom resultado. Posso dizer que percebi com certeza o que sentia naquela época (e continuo sentindo agora): AMOR!!! Amor por essa menina/mulher maravilhosa com quem completo hoje 6 meses de (um maravilhoso) namoro.

Mas eu não pretendia me delongar (mais do que já fiz) falando sobre nosso relacionamento... hoje eu queria falar um pouco dela.

Gisele Sena Bertolazo. Um belo nome, digo de início. Mas apesar de belo, ele não é capaz de demonstrar tudo que essa maravilhosa pessoa esconde. Nomes não fazem isso. Para isso, é preciso conhecê-la. E hoje, seis meses depois, com um namoro magnífico, posso dizer um pouco sobre ela.

E comecemos com sua força de vontade e perseverança – quando ela bota algo na cabeça, é difícil tirar. Isso também pode (e é) ser visto como teimosia. Mas quem disse que a teimosia é sempre ruim? Claro que tem os momentos "não tão líricos" da teimosia, como a dificuldade que ela tem de aprender novas maneiras de ver/fazer coisas que já conhece. Mas é passível de melhorias... =D

Prosseguimos então para sua inteligência. Difícil será pra eu conhecer alguém tão inteligente quanto ela. Não que ela seja superdotada ou coisa parecida. É uma inteligência notável sim, mas dentro do normal. O que faz o diferencial é que ela tem, somado a inteligência, uma esperteza única e uma percepção aguçada e o know how, o "saber usar" todo esse conjunto é que a torna tão inteligente. Então, soma-se a isso sua curiosidade natural e seu interesse por coisas ditas como "cults", e têm-se uma menina com uma cultura imensa, muito conhecimento acumulado, um senso crítico gigantesco e um bom gosto incrível. Infelizmente, com a inteligência, vem a arrogância... Não que seja ruim reconhecer que se é bom em algo, mas às vezes isso dificulta a ela aceitar opiniões alheias (e soma-se a isso a já citada teimosia...)

E já que falamos de sua curiosidade, esta aí mais uma característica que pode ser vista com bons ou maus olhos. Bom porque a curiosidade incita ao adquirir conhecimento. Mau pelos motivos já óbvios de uma curiosidade e também porque isso pode (e é!!! >=D) ser usada contra ela, como um peixinho no anzol.

Seguindo então pelas já citadas qualidades, temos a cultura. Que coisa maravilhosa é conhecer alguém com esse nível cultural tão grande! Primeiro que é sempre fabuloso conhecer pessoas sábias (e sim, a vejo como uma sábia. Quanto ela estiver velhinha, pode fornecer plots de campanhas pra aventureiros!!! Hehe). Segundo que torna cada conversa com ela um maravilhoso mundo de descobertas e troca de informações, conhecimentos e opiniões. E terceiro porque eu, estando bem atrás dela culturalmente falando, me sinto impelido a pesquisar essas coisas e aprender para que nossas conversas sejam sempre de igual pra igual e interessante pra ambos.

Já seu "senso crítico" muitas vezes me fez - e ainda faz - ver com outros olhos várias coisas, situações e fatos. Olhos críticos. Olhos de quem não se conforma com as imposições do mundo. Olhos de quem não aceita injustiças. Não que eu já não lutasse contra as injustiças, mas agora tenho maior facilidade de enxergá-las e espero melhorar ainda mais nisso. O lado negativo desse senso crítico é que às vezes, acaba-se exagerando. Uma simples piada pode se tornar motivo de bronca por discriminação. Um simples objeto pode ser motivo de insatisfação. Um simples desenho quase sempre acaba se tornando alvo de uma análise social. Ruim? Claro que não! Analisar desenhos e situações é legal e interessante, só que como tudo que é demais, às vezes cansa-se. Tem hora que queremos apenas nos divertir, sem ter que analisar tudo ao seu redor.

E o bom gosto então? Pra comidas, pra música, pra filmes, pra programas... nossa. Sempre que ela diz que vai me mostrar algo novo - seja um prato, uma música, um filme, um lugar - eu me animo, porque é sempre maravilhoso! Nossa... quantas coisas boas... e olha que eu nem falei (e nem pretendo falar, porque não é necessário) da incrível beleza. Como é linda! E ainda é toda sexy e provocante, por onde passa arranca olhares... Mas nem vou tocar no assunto sexo, por que... Enfim... =D~~

Posso citar ainda várias coisas, como a prestatividade - se você precisar de ajuda, ela está lá; a doçura (sim, por mais que ela não aceite, é um doce de menina!!!); o quão carinho e amorosa ela pode ser (e eu que lucro com isso! xD); o desejo de sempre agradar àqueles de quem ela gosta (e novamente, eu saio no lucro xD~)...

No entanto, existem algumas outras características não tão agradáveis assim... nada muito sério, mas são coisinhas que às vezes podem gerar situações no mínimo desagradáveis. Um exemplo? Braveza. Ela se zanga muito facilmente, muitas vezes por pouca coisa. E às vezes ela nem te fala porque está zangada, esperando que você perceba... e você ali, sem nem entender o que houve... Ou o fato de que ela não aceita muito bem certas brincadeiras (que ela pode fazer com você!!! Hehehe).

Felizmente, as características positivas sempre superam as negativas. Características estas que ainda não foram todas descritas aqui. Faltou falar do senso de humor, da empolgação, da alegria contagiante, do sorriso maravilhoso... do fato de ela iluminar o ambiente com sua presença, nos fazendo rir e sentirmos-nos melhor e mais alegres.

Como amo essa mulher. Como quero ficar com ela.
Bem... melhor eu parar por aqui... ou não paro por hoje... hehe
O fato é que a amo. A desejo. A quero ao meu lado e quero estar ao lado dela. Quero seu apoio e poder apoiá-la quando precisar.

Te amo, Gisele, minha amada. E obrigado por estes maravilhosos 6 meses. E que mais 6, 12, 24, 48, 8497239739287403748912759 meses venham!!! ^^

21 de set de 2007

Quase sem querer


This is my call, I belong to you
This is my call, to sing the melody of you
This is my call, I can do nothing else
I can do nothing else

- Melody Of You, Sixpence None The Richer



Hoje foi estranho...
Acordei cedo, meio dormindo... dormi tarde, é natural... mas enquanto tentava acordar, no banho, cantarolava uma música...
E depois, quando fui trabalhar... e enquanto estava indo e enquanto fazia o serviço e, posteriormente, enquanto voltava pra casa... e não sosseguei enquanto não pude ouvi-la e me perguntava "por que justamente essa música?"
Então resolvi pesquisar... acessei meu e-mail e procurei por "Legião Urbana". Encontrei alguns e-mails, mas tinha um JUSTAMENTE com o título dessa música, abri... era ela. Olhei a data: 25 de abril. Ahhhh, estava explicado... meu cérebro guardou a música, porque minha linda me enviou essa música na manhã seguinte ao dia que a pedi em namoro e eu, inconscientemente, guardei na memória... como acordei com saudades, pensando nela, a música me apareceu...
E agora, faltanto 3 dias pra completarmos 5 meses de namoro (um maravilhoso namoro, diga-se de passagem), posto aqui essa música, a primeira do meu xará no blog. =D
Então, segue com Legião Urbana:

Quase sem querer
Legião Urbana

Tenho andado distraído,
Impaciente e indeciso
E ainda estou confuso.
Só que agora é diferente:
Estou tão tranqüilo
E tão contente.

Quantas chances desperdicei
Quando o que eu mais queria
Era provar pra todo o mundo
Que eu não precisava
Provar nada pra ninguém!

Me fiz em mil pedaços,
Pra você juntar...
E queria sempre achar
Explicação pro que eu sentia.
Como um anjo caído
Fiz questão de esquecer
Que mentir pra si mesmo
É sempre a pior mentira.

Mas não sou mais
Tão criança a ponto de saber
Tudo.

Já não me preocupo
Se eu não sei por quê
Às vezes o que eu vejo
Quase ninguém vê
E eu sei que você sabe
Quase sem querer
Que eu vejo o mesmo que você.

Tão correto e tão bonito:
O infinito é realmente
Um dos deuses mais lindos.
Sei que às vezes uso
Palavras repetidas
Mas quais são as palavras
Que nunca são ditas?

Me disseram que você estava chorando
E foi então que percebi
Como lhe quero tanto.

Já não me preocupo
Se eu não sei por quê
Às vezes o que eu vejo
Quase ninguém vê

E eu sei que você sabe
Quase sem querer
Que eu quero o mesmo que você...

19 de set de 2007

Mentiras que parecem verdades


"Eu sou desonesto. E pode-se sempre confiar num desonesto, porque vocês sabem que ele sempre será desonesto. Honestamente, são os honestos que devem ser vigiados. Porque nunca se sabe quando eles farão algo incrivelmente estúpido!"

- Piratas do Caribe






Costumamos dizer que uma mentira repetida várias vezes se torna verdade. Não é bem assim, mas que engana muita gente, engana.


  • O touro odeia a cor vermelha - Na realidade ele se irrita com os movimentos que o toureiro faz com a capa.
  • Os diamantes são eternos - Nem tanto. Se aquecidos a 4500° C, podem derreter.
  • O Mar Morto é um mar - é muito salgado e grande, mas é um lago que fica na Jordânia.
  • A Terra é perfeitamente redonda - Não exatamente. Ela é achatada nos pólos.
  • Icebergs são feitos de água do mar - Nada a ver. São formados de neve acumulada por milhares de anos.
  • A Floresta Amazônica é o pulmão do mundo - Na real, as algas dos oceanos são responsáveis pela produção da maior parte do oxigênio do planeta!
  • Beber água alivia a ardência da pimenta - A água, na realidade, só espalha. O que alivia é mastigar miolo de pão.
  • A Guerra dos Cem Anos durou cem anos - Ironicamente, a guerra entre franceses e ingleses durou mais. Foram 116 anos, de 1337 a 1453.
  • O ouro é o metal mais precioso que existe - é precioso, mas perde para a platina.
  • Um raio nunca cai duas vezes no mesmo lugar - é difícil, mas é possível. Por via das dúvidas, não arrisque!
  • Faça um pedido à estrela cadente - o pedido será feito, na verdade, a um meteorito que se queima quando entra na atmosfera da Terra.
  • O urso coala é tão fofo! - pode ser fofo, mas não é urso! É um marsupial, parente do canguru.
  • Festival de Rock de Woodstock - que de Woodstock teve só o nome, pois foi realizado em Bethel, Nova York.
  • Frankenstein é um monstro - sim, pode ser monstro. Mas Frankenstein é na verdade o nome do cientista que o criou.


Fonte: itkf

12 de set de 2007

Amigos...


"Cada pessoa que passa em nossa vida é única. Sempre deixa um pouco de si e leva um pouco de nós. Há os que levaram muito, mas não há os que não deixaram nada. Esta é a maior responsabilidade de nossa vida e a prova evidente de que duas almas não se encontram por acaso".


Post meloso da vez...
Porque um post melose se ninguém gosta de lê-los?
Porque eu preciso escrever isso... porque que todos precisamos "desabafar" de vez em quando e atualmente, só posso desabafar escrevendo... porque poucas pessoas lêem isso ainda (talvez melhore num futuro =D). Porque inúmeras coisas...
Porque eu sempre acreditei piamente na amizade... "amigos são capazes de tudo por você do mesmo jeito que você é capaz de tudo por eles..." Mas talvez essa não seja a verdade do mundo e talvez eu seja capaz de tudo por alguém que não seja capaz de retribuir da mesma maneira... Isso não vai me fazer parar de ter amigos, claro. Nem parar de me esforçar ao máximo por quem considero amigo de verdade. Mas às vezes, me sinto sozinho... deslocado. Meus amigos mudaram muito, estão diferentes. Distantes... talvez eu também esteja distante deles, mas será que é só isso? Tenho a impressão que mudanças que ocorreram comigo e minha vida talvez tenha feito eles mudarem o modo de me ver... mas no fundo, continuo o mesmo... E queria meus amigos por perto... Não posso exigir isso deles ou obrigá-los a estar por perto sempre que preciso... mas sinto falta deles... Queria meus velhos amigos/irmãos por perto... just it...

Antigos amigos se afastam, novos amigos se aproximam... é a vida...
Amiga da vez? Minha namorada linda, que está sempre por perto quando preciso. E por isso, estarei sempre por perto pra ela...

E no clima do "drama", Oswaldo. Porque o cara é foda!

A LISTA
Oswaldo Montenegro

Faça uma lista de grandes amigos
Quem você mais via há dez anos atrás
Quantos você ainda vê todo dia
Quantos você já não encontra mais

Faça uma lista dos sonhos que tinha
Quantos você desistiu de sonhar
Quantos amores jurados pra sempre
Quantos você conseguiu preservar

Onde você ainda se reconhece
Na foto passada ou no espelho de agora
Hoje é do jeito que achou que seria?
Quantos amigos você jogou fora?

Quantos mistérios que você sondava
Quantos você conseguiu entender?
Quantos defeitos sanados com o tempo
Eram o melhor que havia em você

Quantas mentiras você condenava
Quantas você teve que cometer
Quantas canções que você não cantava
Hoje assobia pra sobreviver

Quantos segredos que você guardava
Hoje são bobos ninguém quer saber
Quantas pessoas que você amava
Hoje acredita que amam você

3 de set de 2007

Mais cinema...


"Eu sou desonesto. E pode-se sempre confiar num desonesto, porque vocês sabem que ele sempre será desonesto. Honestamente, são os honestos que devem ser vigiados. Porque nunca se sabe quando eles farão algo incrivelmente estúpido!"

- Piratas do Caribe



O Augusto publicou no flog dele algumas frases marcantes de alguns filmes. Então coloco aqui a mesma lista, com adições minhas.
Ah, também traduzi as frases em inglês.

E um viva para o cinema!

"O que fazemos na vida, ecoa na eternidade."
Gladiador

"O que realmente importa na vida é o que se faz com o tempo que nos é dado."
Senhor dos Anéis - A Sociedade do Anel

"A flor perfeita e rara, podemos esperar a vida toda para encontra-lá e mesmo assim não seria um desperdício."
O Último Samurai

"A diferença entre Homens e Garotos está nas lições que cada um aprende."
Corridas Clandestinas

"Não é quem eu sou por dentro e sim o que eu faço é que me define."
Batman Begins

"Às vezes, a melhor maneira de se encontrar é se perder na vida de alguém."
Tara road - Aprendendo a Viver

"Não existe morte pior que o fim da esperança."
King Arthur

"Não existe triunfo sem perda, não há vitória sem sofrimento, não há liberdade sem sacrifício."
Senhor dos Anéis - O Retorno do Rei

“Faça suas escolhas ou não terá escolha.”
O Motoqueiro Fantasma

“Por trás desta máscara há mais do que carne e sangue; por trás desta máscara há uma idéia, e as idéias são à prova de bala.”
V de Vingança

“Haverá um dia que você desejará fazer um pouco de mal, para alcançar um bem maior.”
A Cruzada

“Perto do fim, começamos a pensar no início.”
Sr. & Sra. Smith

“Não sei se a vida é maior do que a morte, mas o amor é maior do que ambas.”
Tristão e Isolda

“Só a inteligência nos faz homens.”
Coração Valente

“Sem sacrifício, não há vitória.”
Capitão Witwicky e Sam

"Nunca deixe alguém te fazer sentir como se não merecesse o que quer."
10 coisas que eu odeio em você

"Algumas coisas são verdadeiras, acreditando nelas ou não."
Cidade dos Anjos

"Eu pertenço ao guerreiro em quem o antigo se juntou ao novo."
Ultimo Samurai

"Para uma mente bem estruturada, a morte é apenas a aventura seguinte!"
Harry Potter e a Pedra Filosofal

"Grandes poderes exigem grandes responsabilidades."
Homem Aranha (originalmente das HQs, mas a gente supera...)

"Você foi medido, pesado, avaliado e considerado insuficiente!"
Coração de Cavaleiro


"THIS IS SPARTA!
300 [essa não podia ser traduzida... :D)

E a frase que não podia faltar:
“Não sei, só sei que foi assim!”
O Auto da Compadecida

Autobots, roll out.
Optimus Prime - Transformers

E duas pra minha linda:

"Antes você me pedir para parar de respirar, do que me pedir para eu deixar de te amar!"
Tristão e Isolda

"Prefiro ter sentido seu cabelo uma vez, prefiro ter tocado sua mão uma vez, prefiro ter lhe beijado uma vez, do que passar a eternidade sem isso!"
Cidade dos Anjos

27 de ago de 2007

No alto do castelo...


Singin' I love rock and roll
So put another dime in the jukebox baby
I love rock and roll
So come on take some time and dance with me

- I Love Rock 'N' Roll, The Arrows



Seguinte, eu tava zapeando em Blogs amigos e o Augusto (Deonar pra alguns) postou esse texto no flog dele, antigo, mas muito bom. Então estou reproduzindo-o aqui.

Divirtam-se!


Imagine o seguinte caso:

"No alto do castelo, há uma linda princesa - muito carente - que foi ali trancada, e é guardada por um grande e terrível dragão..."

HEAVY METAL:

O protagonista chega no castelo numa Harley Davidson, mata o dragão, enche a cara de cerveja com a princesa e depois transa com ela.

METAL MELÓDICO:

O protagonista chega no castelo num cavalo alado branco, escapa do dragão, salva a princesa, fogem para longe e fazem amor.

THRASH METAL:

O protagonista chega no castelo, duela com o dragão, salva a princesa e transa com ela.

POWER METAL:

O protagonista chega brandindo sua espada e trava uma batalha gloriosa contra o dragão. O dragão sucumbe enquanto ele permanece em pé, banhado pelo sangue de seu inimigo, sinal de seu triunfo. Resgata a princesa. Esgota a paciência dela com auto-elogios e transa com ela.

FOLK METAL:

O protagonista chega acompanhado de vários amigos e duendes tocando acordeon, alaúde, viola e outros instrumentos estranhos. Fazem o dragão dormir depois de tanto dançar, e vão embora, sem a princesa, pois a floresta está cheia de ninfas, elfas e fadas.

VIKING METAL:

O protagonista chega em um navio, mata o dragão com um machado, assa e come. Estupra a princesa, pilha o castelo e toca fogo em tudo antes de ir embora.

DEATH METAL:

O protagonista chega, mata o dragão, transa com a princesa, mata a princesa e vai embora.

BLACK METAL:

Chega de madrugada, dentro da neblina. Mata o dragão e empala em frente ao castelo. Sodomiza a princesa, a corta com uma faca e bebe o seu sangue em um ritual até matá-la. Depois descobre que ela não era mais virgem e a empala junto com o dragão.

GORE:

Chega, mata o dragão. Sobe no castelo, transa com a princesa e a mata. Depois transa com ela de novo. Queima o corpo da princesa e transa com ele de novo.

SPLATTER:

Chega, mata o dragão, abre-o com um bisturi. Sodomiza a princesa com as tripas do dragão. Abre buracos nela com o bisturi e estupra cada um dos buracos. Tira os globos oculares da princesa e estupra as órbitas. Depois mata a princesa, faz uma autópsia, tira fotos, e lança um album cuja capa é uma das fotos.

DOOM METAL:

Chega no castelo, olha o tamanho do dragão, fica deprimido e se mata. O dragão come o cadáver do protagonista e depois come a princesa.

WHITE METAL:

Chega no castelo, exorciza o dragão, converte a princesa e usa o castelo para sediar mais uma "Igreja Universal do Reino de Deus".

NEW METAL:

Chega no castelo se achando o bonzão e dizendo o quanto é bom de briga. Quer provar para todos que também é foda e é capaz de salvar a princesa. Acha que é capaz de vencer o dragão; perde feio e leva o maior cacete. O protagonista New Metal toma um prozak e vai gravar um disco "The Best Of".

GRUNGE:

Chega drogado, escapa do dragão e encontra a princesa. Conta para ela sobre a sua infância triste. A princesa dá um soco na cara dele e vai procurar o protagonista Heavy Metal. O protagonista grunge sofre uma overdose de heroína.

ROCK N'ROLL CLÁSSICO:

Chega de moto fumando um baseado e oferece para o dragão, que logo fica seu amigo. Depois acampa com a princesa numa parte mais afastada do jardim e depois de muito sexo, drogas e rock n roll, tem uma overdose de LSD e morre sufocado no próprio vômito.

PUNK ROCK:

Cospe no dragão, joga uma pedra nele e depois foge. Pixa o muro do castelo com um "A" de anarquia. Faz um moicano na princesa e depois abre uma barraquinha de fanzines no saguão do castelo.

EMOCORE:

Chega ao castelo e conta ao dragão o quanto gosta da princesa. O dragão fica com pena e o deixa passar. Após entrar no castelo ele descobre que a princesa fugiu com o protagonista Heavy Metal. Escreve uma música de letra emotiva contando como foi abandonado pela sua amada e como o mundo é injusto.

PROGRESSIVO:

Chega, toca um solo virtuoso de guitarra de 26 minutos. O dragão se mata de tanto tédio. Chega até a princesa e toca outro solo que explora todas as técnicas de atonalismo em compassos ternários compostos aprendidas no último ano de conservatório. A princesa foge e vai procurar o protagonista Heavy Metal.

HARD ROCK:

Chega em um conversível vermelho, com duas loiras peitudas e tomando Jack Daniel's. Mata o dragão com uma faca e faz uma orgia com a princesa e as loiras.

GLAM ROCK:

Chega no castelo. O dragão rí tanto quando o vê que o deixa passar. Ele entra no castelo, rouba o hair dresser e o batom da princesa. Depois a convence a pintar o castelo de rosa e a fazer luzes nos cabelos.

--- // ---

Gentilmente roubado do flog do Augusto (que deve ter roubado de algum lugar =P)

11 de jul de 2007

100 músicas mais românticas da históra


I´ve got so much honey the bees envy me
I´ve got a sweeter song than the birds in the trees
Well, i guess you'll say what can make me feel this way
My girl (my girl, my girl)
Talking about my girl (my girl)

- My Girl, The Temptations



A notícia é velha, eu sei, mas vale o post... =D

O jornal americano New York Daily News elegeu as músicas mais românticas da história. A lista foi montada de acordo com dois critérios básicos: a posição alcançada nas paradas dos Estados Unidos e o tempo da composição - nenhuma canção com menos de dez anos entrou para o ranking.
[...]
O topo da lista é ocupado por My Girl (The Temptations), faixa que embalou Macaulay Culkin no filme Meu Primeiro Amor.

Na seqüência da lista aparecem I'll Be There (The Jackson 5), Wonderful Tonight (Eric Clapton), I Just Called to Say I Love You (Stevie Wonder) e You Are So Beautiful (Joe Cocker).

Uma curiosidade: na lista dos cem mais, há seis músicas dos Beatles: In My Life (6ª posição), Michelle (9ª), The Long and Winding Road (42ª), Here There and Everywhere (47ª), Girl (72ª) e P.S. I Love You (74ª).



A lista:

1- My Girl - The Temptations
2- I'll Be There - The Jackson 5
3- Wonderful Tonight - Eric Clapton
4- I Just Called to Say I Love You - Stevie Wonder
5- You Are So Beautiful - Joe Cocker
6- In My Life - The Beatles
7- The First Time Ever I Saw Your Face - Roberta Flack
8- Are You Lonesome Tonight? - Elvis Presley
9- Michelle - The Beatles
10- I Can't Stop Loving You - Ray Charles
11- Best of my Love - The Emotions
12- Bridge Over Troubled Water - Simon & Garfunkel
13- All I Have to Do is Dream - The Everly Brothers
14- You've Got a Friend - Carole King
15- Killing me Softly with his Song - Roberta Flack
16- To Sir With Love - Lulu
17- Sherry - The Four Seasons
18- Crazy Little Thing Called Love - Queen
19- Unchained Melody - The Righteous Brothers
20- Save the Last Dance for Me - The Drifters
21- Stay - Maurice Williams and the Zodiacs
22- Will You Still Love Me tomorrow - Carole King
23- Up on the Roof - The Drifters/Carole King
24- He¿s So Fine - The Chiffons
25- I Will Follow Him - Little Peggy March
26- Chapel of Love - The Dixiecups
27- My Guy - Mary Wells
28- Happy Together - The Turtles
29- Back in my Arms Again - The Supremes
30- I Got you Babe - Sonny and Cher
31- My Love - Petulia Clark
32- You're my Soul and Inspiration - The Righteous Brothers
33- I Will Always Love You - Dolly Parton/Whitney Houston
34- When a Man Loves a Woman - Percy Sledge
35- Reach Out I'll Be There - The Four Tops
36- Strangers in the Night - Frank Sinatra
37- Baby Love - The Supremes
38- This Guys' in Love With You - Herb Alpert
39- Love Theme from Romeo and Juliet - Henry Mancini
40- Higher Love - Stevie Winwood
41- Sugar Sugar - The Archies
42- The Long and Winding Road - The Beatles
43- Close to You - The Carpenters
44- Ain't No Mountain High Enough - Diana Ross
45- Lets Stay Together - Al Green
46- Heart of Gold - Neil Young
47- Here There and Everywhere - The Beatles
48- Lean on Me - Bill Withers
49- You are the Sunshine of my Life - Stevie Wonder
50- Let's Get it On - Marvin Gaye
51- Midnight Train to Georgia - Gladys Knight
52- The Way We Were - Barbra Streisand
53- Love's Theme - The Love Unlimited Orchestra
54- Hooked on a Feeling - Blue Swede
55- Feel Like Makin' Love - Roberta Flack
56- Can't Get Enough of Your Love Baby - Barry White
57- Then Came You - Dionne Warwick and The Spinners
58- Lovin You - Minnie Ripperton
59- Shining Star - Earth Wind & Fire
60- You Don't Have to Be a Star (To be in my show) - Marilyn McCoo and Billy David
61- How Deep is Your Love - The Bee Gees
62- You're the One that I Want - John Travlota and Olivia Newton John
63- Love you Inside Out - Bee Gees
64- Come on Eileen - Dexy's Midnight Runners
65- Time After Time - Cyndi Lauper
66- Crazy for You - Madonna
67- Take on Me - A-Ha
68- Moon River - Henry Mancini
69- With or Without You - U2
70- Vision of Love - Mariah Carey
71- Kiss from a Rose - Seal
72- Girl - The Beatles
73- Chelsea Morning - Joni Mitchell
74- P-S I Love You - The Beatles
75- Just Like a Woman - Bob Dylan
76- Do You Believe in Magic - The Lovin¿ Spoonful
77- Still in Love with You - Al Green
78- Somewhere - Steven Sondheim
78- On the street Where you Live - Lerner and Lowe
79- Saving All my Love for You - Whitney Houston
80- Always on my Mind - Willie Nelson
81- Crazy - Patsy Cline
82- Sexual Healing - Marvin Gaye
83- Do you Wanna Dance - Bette Midler
84- Fever - Peggy Lee
85- Last Dance - Donna Summer
86- Just the Way You Are - Billy Joel
87- Songbird - Fleetwood Mac
88- You Make Lovin' Fun - Fleetwood Mac
89- At last - Etta James
90- All I Really Want - Joni Mitchell
91- Natural Woman - Aretha Franklin
92- Theme Song from a Man and a Woman - Anita Kerr Singers
93- Someone to Watch Over Me - Linda Ronstadt
94- Some Enchanted Evening - From South Pacific
95- Do you Love Me? - from Fiddler On The Roof
96- Alison - Elvis Costello
97- How Can I Tell You - Cat Stevens
98- Have I Told You Lately That I Love You - Van Morrison
99- When I Fall in Love - Nat King Cole
100- Oh Girl - The Chi-Lites

Fonte: Terra

21 de jun de 2007

Have You Ever Really Loved A Woman?

There are only four questions of value in life, Don Octavio. What is sacred? Of what is the spirit made? What is worth living for, and what is worth dying for? The answer to each is the same: only love.

- Don Juan DeMarco



Mais um texto declaração... Por que? Porque eu amo minha linda e não me canço de dizer isso. Cada sorriso, cada olhar, cada gesto, cada beijo... Eu amo tudo nela. E sei que não sou tão perfeito como a música diz que deve ser alguém que já amou uma mulher, mas eu a amo, ah, amo sim! =D


Have You Ever Really Loved A Woman?
Você realmente amou uma mulher?
Bryan Adams

To really love a woman,
Para realmente amar uma mulher,
To understand her,
Para compreendê-la,
You've got to know her deep inside...
Você precisa conhecê-la profundamente..
Hear every thought,
Ouvir cada pensamento,
See every dream,
Ver cada sonho,
And give her wings when she wants to fly.
E dar-lhe asas quando ela quiser voar
Then when you find yourself lying helpless in her arms
Então quando você se encontrar desamparado em seus braços
You know you really love a woman
Você saberá que realmente ama uma mulher

When you love a woman,
Quando você ama uma mulher,
You tell her that she's really wanted.
Você lhe diz que ela é realmente desejada
When you love a woman,
Quando você ama uma mulher
You tell her that she's the one.
Você lhe diz que ela é única
She needs somebody, to tell her that it's gonna last forever.
Ela precisa de alguém pra lhe dizer que vai durar pra sempre
So tell me have you ever really ... really, really ever loved a woman?
Então me diga, você realmente, realmente amou uma mulher?

To really love a woman,
Para realmente amar uma mulher
Let her hold you,
Deixe-a segurar você
Till you know how she needs to be touched.
Até que você saiba como ela precisa ser tocada.
You've got to breathe her, really taste her,
Você precisa respirá-la, realmente saboreá-la
Till you can feel her in your blood.
Até que você possa senti-la em seu sangue.
And when you can see your unborn children in her eyes
E quando você puder ver suas crianças que ainda não nasceram em seus olhos,
You know you really love a woman.
Você saberá que realmente ama uma mulher

When you love a woman,
Quando você ama uma mulher,
You tell her that she's really wanted.
Você lhe diz que ela é realmente desejada
When you love a woman,
Quando você ama uma mulher
You tell her that she's the one.
Você lhe diz que ela é única
She needs somebody, to tell her that it's gonna last forever.
Ela precisa de alguém pra lhe dizer que vai durar pra sempre
So tell me have you ever really ... really, really ever loved a woman?
Então me diga, você realmente, realmente amou uma mulher?

You've got to give her some faith,
Você precisa dar a ela um pouco de fé
Hold her tight, a little tenderness.
Segurá-la firme, um pouco de ternura
You've got to treat her right.
Você precisa tratá-la bem.
She will be there for you taking good care of you...
Ela estará aqui para tomar conta de você
You really gotta love your woman.
Você realmente precisa amar sua mulher.

And when you find yourself lying helpless in her arms,
Então quando você se encontrar desamparado em seus braços
You know you really love a woman.
Você saberá que realmente ama uma mulher.
When you love a woman,
Quando você ama uma mulher,
You tell her that she's really wanted.
Você lhe diz que ela é realmente desejada
When you love a woman,
Quando você ama uma mulher,
You tell her that she's the one.
Você lhe diz que ela é a única.
She needs somebody, to tell her that it's gonna last forever.
Ela precisa de alguém pra lhe dizer que vai durar pra sempre
So tell me have you ever really... really, really ever loved a woman?
Então me diga, você realmente, realmente amou uma mulher?
So tell me have you ever really... really, really ever loved a woman?
Então me diga, você realmente, realmente amou uma mulher?
So tell me have you ever really... really, really ever loved a woman?
Então me diga, você realmente, realmente amou uma mulher?

---//---

PS: I love you.

18 de jun de 2007

Crônica do amor


Will: Where's Elizabeth?
Jack: She's safe, just like I promised. She's all set to marry Norrington, just like she promised. And you get to die for her, just like you promised. So we're all men of our word really... except for, of course, Elizabeth, who is in fact, a woman.


Postei esse texto no meu flog também, mas resolvi postar aqui porque o flog logo será extinto. Então, digo aqui, como disse lá, que onde peguei, dizia-se que era do "Arnaldo Jabor", mas não sei se é dele, no entanto, não deixa de ser um texto legalzinho.

Crônica do amor - Arnaldo Jabor

Ninguém ama outra pessoa pelas qualidades que ela tem, caso contrário os honestos, simpáticos e não fumantes teriam uma fila de pretendentes batendo a porta.

O amor não é chegado a fazer contas, não obedece à razão. O verdadeiro amor acontece por empatia, por magnetismo, por conjunção estelar.

Ninguém ama outra pessoa porque ela é educada, veste-se bem e é fã do Caetano. Isso são só referenciais.

Ama-se pelo cheiro, pelo mistério, pela paz que o outro lhe dá, ou pelo tormento que provoca.

Ama-se pelo tom de voz, pela maneira que os olhos piscam, pela fragilidade que se revela quando menos se espera.

Você ama aquela petulante. Você escreveu dúzias de cartas que ela não respondeu, você deu flores que ela deixou a seco.

Você gosta de rock e ela de chorinho, você gosta de praia e ela tem alergia a sol, você abomina Natal e ela detesta o Ano Novo, nem no ódio vocês combinam. Então?

Então, que ela tem um jeito de sorrir que o deixa imobilizado, o beijo dela é mais viciante do que LSD, você adora brigar com ela e ela adora implicar com você. Isso tem nome.

Você ama aquele cafajeste. Ele diz que vai e não liga, ele veste o primeiro trapo que encontra no armário. Ele não emplaca uma semana nos empregos, está sempre duro, e é meio galinha. Ele não tem a menor vocação para príncipe encantado e ainda assim você não consegue despachá-lo.

Quando a mão dele toca na sua nuca, você derrete feito manteiga. Ele toca gaita na boca, adora animais e escreve poemas. Por que você ama este cara?

Não pergunte pra mim você é inteligente. Lê livros, revistas, jornais. Gosta dos filmes dos irmãos Coen e do Robert Altman, mas sabe que uma boa comédia romântica também tem seu valor.

É bonita. Seu cabelo nasceu para ser sacudido num comercial de xampu e seu corpo tem todas as curvas no lugar. Independente, emprego fixo, bom saldo no banco. Gosta de viajar, de música, tem loucura por computador e seu fettucine ao pesto é imbatível.

Você tem bom humor, não pega no pé de ninguém e adora sexo. Com um currículo desse, criatura, por que está sem um amor?

Ah, o amor, essa raposa. Quem dera o amor não fosse um sentimento, mas uma equação matemática: eu linda + você inteligente = dois apaixonados.

Não funciona assim.

Amar não requer conhecimento prévio nem consulta ao SPC. Ama-se justamente pelo que o Amor tem de indefinível.

Honestos existem aos milhares, generosos têm às pencas, bons motoristas e bons pais de família, tá assim, ó!

Mas ninguém consegue ser do jeito que o amor da sua vida é! Pense nisso. Pedir é a maneira mais eficaz de merecer. É a contingência maior de quem precisa.

--- // ---

Te amo, meu anjo.

17 de mai de 2007

Primeiro post, parte 3

"Parte 3?", alguns devem estar se perguntando, "E cade as partes 1 e 2?".
Pois é... parte 3 porque esse é o terceiro blog que eu crio.
Tive o "The Caitiff" (que ainda está lá, sem atualizações a quase 1 ano... e não pretendo retomá-lo porque o The Blog é uma bosta, na minha singela opinião.

"Mas porque terceiro?" Devem estar se perguntando...
Bem... esse foi abandonado pra criação de um flog. Mas acho que não me animei muito com o flog (o texto fica muito "sem cara", muito "puro", e não gosto disso... e tem também o fato de que flogs foram feitos pra se fostar FOTOS, não TEXTOS...

Bom... pra começar, nada melhor que agradar alguém que eu goste....
E nesse momento presente da minha vida, estou gostando MUITO de uma pessoa. Minha doce amada, Gisele.
Eu postaria uma imensa declaração de amor a minha linda namorada, mas vou apenas postar uma letra de música que expressará como me sinto...


I Don't Want To Miss A Thing
Aerosmith

I could stay awake just to hear you breathing
Watch you smile while you are sleeping
While you´re far away and dreaming
I could spend my life in this sweet surrender
I could stay lost in this moment forever
Well, every moment spent with you
Is a moment I treasure

I don´t wanna close my eyes
I don´t wanna fall asleep
´Cause I´d miss you, babe
And I don´t wanna miss a thing
´Cause even when I dream of you
The sweetest dream will never do
I´d still miss you, babe
And I don´t wanna miss a thing

Lying close to you
Feeling your heart beating
And I´m wondering what you´re dreaming
Wondering if it´s me you´re seeing
Then I kiss your eyes and thank God we´re together
And I just wanna stay with you
In this moment forever, forever and ever

I don´t wanna close my eyes
I don´t wanna fall asleep
´Cause I´d miss you, babe
And I don´t wanna miss a thing
´Cause even when I dream of you
The sweetest dream will never do
I´d still miss you, babe
And I don´t wanna miss a thing

I don´t wanna miss one smile
I don´t wanna miss one kiss
Well, I just wanna be with you
Right here with you, just like this
I just wanna hold you close
Feel your heart so close to mine
And stay here in this moment
For all the rest of time

I don´t wanna close my eyes
I don´t wanna fall asleep
´Cause I´d miss you, babe
And I don´t wanna miss a thing
´Cause even when I dream of you
The sweetest dream will never do
I´d still miss you, babe
And I don´t wanna miss a thing
I don´t wanna close my eyes
I don´t wanna fall asleep
´Cause I´d miss you, babe
And I don´t wanna miss a thing
´Cause even when I dream of you
The sweetest dream will never do
I´d still miss you, babe
And I don´t wanna miss a thing

Don´t wanna close my eyes
Don´t wanna fall asleep, yeah
I don´t wanna miss a thing


Beijos, mon amour